"Ella e John"-"The Leisure Seeker", Estados Unidos, 2017, Netflix, Direção: Paolo Virzi |
Ella e John - The Leisure Seeker“, por Eleonora Rosset

Ella e John - The Leisure Seeker“, por Eleonora Rosset

A vida acontece sempre com começo, meio e fim. Mas não são esses os momentos mais marcantes. Em uma vida bem vivida, o amor, a amizade, a família, os sonhos e os projetos bem realizados são mais importantes e acontecem ao longo do tempo em que vivemos.

Essa dupla do filme "Ella e John" vai demonstrar que a vida acaba quando a gente quer. Explico. É uma escolha, seja a pessoa se fechando para o mundo, a morte em vida, seja por uma doença incapacitante, onde o acaso pode ocorrer, seja principalmente a maneira de lidar com os obstáculos todos que aparecem sem pedir licença.

Ella (a maravilhosa Helen Mirren) e John ("o magnífico Donald Sutherland) são casados há muito tempo e se amam.

No presente, o marido de Ella sofre de uma demência senil, que o faz esquecer de quase tudo. Mas, quando isso acontece, há sempre um "eu" auxiliar a seu lado, a mulher dele, que preenche os "brancos" que ele tem. Homem elegante, intelectual versado em literatura, professor universitário, às vezes parece uma criança, mas tem o amparo maternal e a ajuda de Ella.

É triste o momento em que ela, toda tagarela e alegre, recorda os momentos engraçados e felizes da vida dos dois, e se dá conta de que está falando sozinha, que John lhe foi roubado. Ele não é mais o mesmo.

Mas é igualmente triste para John e ele lembra a Ella que ele também foi roubado. Ele diz que esquece só o que não sabe mais que aconteceu.

E o amor naquele trailer velho, de tantas viagens juntos, o "Leisure Seeker" ou algo como "Buscador de Prazer", é o motor que os leva de Massachusets até a Florida, Key Biscaine, onde vão realizar o sonho de John que é conhecer a casa de Hemingway.

"O Velho e o Mar", o último livro publicado em vida do grande autor, que se suicidou, John sabe de cor. Quando conversa com as pessoas cita frases inteiras do livro e fica extasiado quando uma garçonete sabe tudo sobre o livro. Ella se irrita com isso e mostra abertamente quanto ciúmes tem do marido.

Ella tem os pés no chão e a cabeça bem plantada no pescoço. Usa uma peruca sempre que sai com John. Aliás estão sempre grudados. Vai ser a vontade de viver de Ella que nos levará a fazer a viagem com eles.

A equipe que escreveu o roteiro, incluindo o diretor italiano Paolo Virzi, foi muito feliz no modo de contar essa história que provoca alegrias, risos e tristeza. Enfatiza o quanto é importante que a vida de cada um seja vivida a seu modo.

E aquele par que nunca se separa vai nos emocionar mas também fazer refletir sobre o que cada um quer para si mesmo. Os slides com fotos de momentos deles com os filhos, amigos e vizinhos, que Ella passa toda noite para John ver, tem a finalidade de fazê-lo lembrar-se do que viveu. E de como foi boa a vida deles.

Portanto a mensagem é que depende de nós o recheio da vida e valorizar o que vivemos e não queremos esquecer.

(O trailer está no meu blog: www.eleonorarosset.com.br)

Ir para IPO News